Política

Mais de 60% dos sul-coreanos consideram o Japão uma ameaça militar, diz pesquisa

Os resultados da pesquisa refletem as tensas relações entre os dois países sobre questões territoriais e históricas.

Do Mundo-Nipo

Mais de 60% dos sul-coreanos consideram o Japão uma ameaça militar, de acordo com uma recente pesquisa realizada em Seul pelo “think tank” (grupo de reflexão sem fins lucrativos), em conjunto com o Instituto Asan de Estudos Políticos, apontando que os laços políticos entre as duas nações estão atolados em seu nível mais baixo em décadas.

 

Bandeiras de Japão e Coreia do Sul (Imagem: Edição de arte Mundo-Nipo)

Os resultados refletem as tensas relações entre os dois países sobre questões territoriais e históricas (Imagem: Edição de arte Mundo-Nipo)

 

A pesquisa de opinião pública sobre relações bilaterais entrevistou entre os dias 2 e 4 de setembro cerca de mil cidadãos sul-coreanos, dos quais 62% disseram que se sentem ameaçados militarmente pelo Japão.

O Japão teve apenas 2,66 em uma escala de 10 pontos favoráveis, um pouco maior do que os 2,43 pontos atribuídos à Coreia do Norte.

Os resultados da pesquisa, divulgados pelo think tank na terça-feira (29), refletem as tensas relações entre os dois países sobre questões territoriais e históricas, bem como a ânsia de o primeiro-ministro Shinzo Abe para permitir o Japão exercer seu direito de defesa coletiva.

Mas a pesquisa também constatou que 58,1% dos entrevistados acham que os países vizinhos precisam realizar uma reunião de cúpula, enquanto 60,4% querem um pacto bilateral para proteger segredos militares, sugerindo que a maioria sul-coreana acha que é necessária uma cooperação maior do Japão.

O Chanceler sul-coreano Yun Byung-se disse na terça-feira que “não vê uma luz no fim do túnel” em curto prazo que possa reverter as animosidades entre as duas nações, apesar de ter mencionado sobre os esforços da Presidente Park Geun-hye para melhorar as relações Japão-Coreia-do-Sul.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.