Sociedade

Tribunal aprova 1º caso de adoção por uma transexual no Japão

Este é o primeiro caso no Japão em que se reconhece uma transexual como “mãe legal”.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Um tribunal do Japão aprovou o que pode ser o primeiro caso de adoção de uma criança por uma transexual no país.

O Tribunal Familiar de Osaka concedeu a adoção de um menino de 3 anos de idade para uma mulher que mulher que mudou de sexo, por sofrer de Transtorno de Identidade de Gênero.

Este é o primeiro caso no Japão em que se reconhece uma transexual como “mãe legal”.

De acordo com Mikiya Nakatsuka, professor de obstetrícia e ginecologia na Universidade de Okayama e chefe da Sociedade Japonesa de Transtorno de Identidade de Gênero, o caso pode abrir novas portas para transexuais que desejam ter filhos.

“Isso também representa uma grande mudança tratando-se de considerar a diversidade de gênero e família”, disse Nakatsuka.

A mulher da província de Osaka, que pediu para não ser identificada, alterou seu sexo depois de uma lei especial ser promulgada em 2004, permitindo que pessoas com TIG mudassem seu sexo e casassem legalmente. Em seguida, ela se casou com um homem.

(Do Mundo-Nipo com informações da agência Kyodo)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •