Notícias Sociedade

Recorde: Japão tem 86,5 mil pessoas com 100 anos ou mais

©Depositphotos

É o 51º ano seguido que o Japão registra alta nesta faixa etária, com as mulheres sendo a maioria, mais de 88% do total de centenários.

O Japão registrou a incrível marca de 86,5 mil cidadãos com cem anos ou mais de idade, marcando assim um novo recorde de “centenários” no país onde as pessoas vivem mais, de acordo com um levantamento divulgado nesta quarta-feira (15) pelo governo do país. 

Os dados compilados pelo Ministério da Saúde mostram que houve um aumento de 6.060 japoneses com um século de vida em comparação com o ano passado. Trata-se do 51º ano consecutivo em que se registra um crescimento desta faixa etária.

Segundo a pesquisa, as mulheres representaram a maioria, com 88,4% do total, ou seja, 76.450. O número de mulheres é  5.475 a mais que no ano anterior, enquanto o número de homens cresceu 585 em comparação com 2020, totalizando 10.060. 

É a primeira vez que o total de homens centenários atinge a marca de 10 mil pessoas.

Quando o levantamento começou a ser realizado em 1963 , o número de centenários não passava de 153. Dezoito anos depois, pulou para mil. Em 1998, já eram mais de 10 mil pessoas com cem anos no país.

Expectativa de vida

Ainda de acordo com o levantamento, a expectativa média de vida no Japão é de 87,7 anos para mulheres e de 81,6 anos para homens.

Shimane é a cidade com o maior número de centenários por 100 mil habitantes pelo nono ano consecutivo: 134,75 no total. Kochi e Kagoshima estão em segundo e terceiro lugar, com 126,2 e 118,7 pessoas com um século de vida ou mais, respectivamente.

Recordes de longevidade

A japonesa Kane Tanaka, de 118 anos, é a mulher mais velha do Japão e a pessoa viva mais velha do mundo. Ela vive na província de Fukuoka e é dotada de ótimas faculdades mentais para a idade amplamente avançada. Já o homem mais velho do planeta é Mikizo Ueda, de 111, morador de Nara.

O Japão já registrou vários recordes de pessoas mais longevas do mundo. O homem que chegou à idade mais avançada no mundo todo foi o japonês Jiroemon Kimuro, que faleceu em 12 de junho de 2013 aos 116 anos.

Casal mais velho do mundo

O japonês Masao Matsumoto, de 108 anos, e sua esposa Miyako, de 100 anos, que completaram 80 anos de casados em 2018, foram reconhecidos pelo Guinness como o “casal vivo” mais velho do mundo – levando em conta a idade combinada de 208 anos, uma vez que, na época, Masao tinha 108 anos, enquanto Miyako somava 100 anos de idade.

População de idosos

O Japão é o país com a maior expectativa de vida do mundo. No país, pessoas com idade a partir de 65 anos compõem mais de um quarto da população japonesa, ou seja, 26% de um total estimado em 127 milhões, uma proporção que deve alcançar 40% até 2060, de acordo com o Ministério de Assuntos Internos e Comunicações do Japão.

== Mundo-Nipo (MN)
Fontes: Kyodo News | O Globo / Mundo.

Foto: Depositphotos.