Cultura

Nanatsu no Taizai supera One Piece em vendas de mangás no 1º semestre

É a primeira vez em quase uma década que One Piece é superado em vendas durante um período de seis meses.

Do Mundo-Nipo

O mangá Nanatsu no Taizai (“Os Sete Pecados Capitais”) vendeu mais de 7 milhões de exemplares no período de janeiro a julho no Japão, no que representa a primeira vez em quase uma década que One Piece −−recentemente reconhecido pelo Guinness World Records como o mangá mais vendido do mundo−− é superado nesse período.

De acordo com os números revisados da Oricon (grupo que provê estatísticas e informações sobre a indústria de entretenimento do Japão), Nanatsu vendeu 7.059.400 exemplares no primeiro semestre de 2015, desbancando One Piene, que somou 7.046.066 de cópias vendidas no mesmo período. A terceira colocação ficou com Ansatsu Kyoushitsu (Assassination Classroom), que totalizou 5.231.158 exemplares.

Divulgados no início da semana, os dados revisados conferem com os números preliminares entre os 10 mais vendidos no primeiro semestre deste ano. Entretanto, os dados iniciais, que foram lançados pela Oricon no início de julho, divergem um pouco com os números revisados a partir do 11º mangá mais vendido.

Escrito e ilustrado por Nakaba Suzuki, Nanatsu no Taizai começou a ser serializado na revista Weekly Shonen Magazine, da Kodansha. Em abril de 2014, a Weekly Shonen publicou em sua vigésima edição que o mangá receberia uma adaptação para anime. A série estreou quatro meses depois nos canais de TV MBS e Japan News Network, em 5 de outubro de 2014.

No final de julho deste ano, foi anunciado que o Brasil ganhará a série já previamente dublada. A data de lançamento, no entanto, ainda não foi divulgada. Já o mangá é publicado no mercado brasileiro desde março de 2015, pela Editora JBC.

Nanatsu no Taizai
A história foca no grupo denominado “Os Sete Pecados Capitais”. Originalmente, o grupo fazia parte dos Cavaleiros Sagrados da Britânia, que se desfez após acusação de tentar derrubar a monarquia, o Reino de Liones. Dez anos após o exílio e a extinção do grupo, os Cavaleiros Sagrados do Reino encenaram um golpe de Estado e capturaram o Rei, tornando-se os novos governantes. No entanto, houve rumores de que os membros de “Os Sete Pecados Capitais” poderiam estar vivos e a Princesa Elizabeth, que teve seu pai assassinado e o reino tomado pelos tiranos Cavaleiros Sagrados, começa uma busca pelos sete cavaleiros banidos, a fim de conseguir ajuda e assim retomar o seu reino.

Em sua busca, a princesa encontra Meliodas (protagonista do mangá e líder do grupo de cavaleiros foragidos), que a salva de um poderoso homem que diz ser um dos paladinos do reino. Elizabeth, ao contrário do que dizem os paladinos, acredita que os membros do grupo “Os Sete Pecados Capitais” são inocentes e os procura para livrar Britânia da vilania dos Cavaleiros Sagrados.

A saga então tem início, com Melodias e a princesa unidos para encontrar o restante do grupo de cavaleiros injustiçados.

Fonte: Oricon.

Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.