Cultura

Tokyo Skytree recebe mais de 3 milhões de visitas nos primeiros 6 meses

A Tokyo Skytree Town é formado por um centro comercial com 312 lojas, um aquário e diversos museus.

Da agência EFE

Tokyo Skytree (Imagem: divulgação)

Tóquio, 22 nov (EFE).- Tokyo Skytree, a torre de comunicações mais alta do mundo e novo símbolo da capital japonesa, recebeu 3,28 milhões de visitantes nos seis primeiros meses desde seu abertura, informou nesta quinta-feira sua administradora, Tobu Tower Skytree.

Além disso, o complexo de lazer e compras onde fica a torre superou nesse mesmo período 27,9 milhões de visitas, resultados muito superiores aos estimados pela administradora desde a inauguração, em 22 de maio.

A companhia revisou também para cima sua previsão de visitas anuais ao complexo para 44 milhões, a partir dos 32 milhões iniciais estimados em sua abertura e, dos visitantes do mirante da torre, para os 6,4 milhões, 20% a mais que em maio.

“Não esperávamos tantas visitas durante a semana”, detalhou um porta-voz da operadora do complexo à agência “Kyodo”, que destacou ainda a importância “das reservas de grupos”.

O complexo Tokyo Skytree Town, de 36,9 mil metros quadrados, é formado por um centro comercial com 312 lojas, um aquário e diversos museus.

No mesmo período, o Sumida Aquarium, que leva o nome do bairro onde fica a Tokyo Skytree, recebeu mais de 1 milhão de visitantes, e estima alcançar o 1,75 milhão até o final do ano.

A torre, de cor branca e cuja estrutura se inspira nas construções ancestrais japonesas, os pagodes de cinco andares, conta com dois observatórios, um a 350 metros e outro a 450, este último rodeado por uma passarela cilíndrica coberta de vidro e cuja visita beira os 3 mil ienes (R$ 76).

Com um custo aproximado de US$ 820 milhões (mais de R$ 1,7 bilhões), é a torre de comunicações mais alta de mundo, à frente da de Televisão de Cantão, na China, de 600 metros de altura, e, além disso, é a estrutura artificial de maior altura depois da Burj Khalifa de Dubai, de 828 metros.

Para o fim do ano, a torre abrirá as portas para um total de 1 mil visitantes privilegiados que, pela quantia de 5 mil ienes (R$ 126), poderão assistir, dos céus de Tóquio, ao primeiro nascer do Sol do ano, um acontecimento tradicional de grande importância no Japão. EFE

 

Agência EFE – Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem a autorização prévia por escrito da Agência EFE S/A.

Comentários