Ciência e Saúde

Japão registra mais de 3 mil casos de erros médicos em 2013

Foi a primeira vez que o número ultrapassou os três mil e causou mais de 200 mortes.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

O número de erros médicos e acidentes em hospitais no Japão atingiu nível recorde em 2013, chegando ao total de 3.049 casos, um aumento de 167 em relação ao ano anterior, de acordo com o relatório da Japan Council for Quality Health Care (Conselho do Japão para Qualidade de Assistência à Saúde, em tradução livre), entidade responsável por avaliações ligadas à qualidade da saúde no país.

Foi a primeira vez que o número ultrapassou os três mil casos desde que o relatório começou a ser elaborado, em 2005.

De acordo com o relatório, os 3.049 erros médicos ocorreram em 274 hospitais, provocando a morte de 216 pacientes, ou seja, 8% do total. Além disso, 263 ficaram com sequelas, adquirindo algum tipo de deficiência.

Os erros mais frequentes incluem a forma incorreta de aplicar medicamentos e esquecimento de objetos dentro do organismo após uma cirurgia, como gaze e até instrumento cirúrgico. O conselho relata ainda profissionais que deixam pacientes cair na hora de transportá-los da maca para a cama, com alguns sofrendo fraturas graves.

O relatório destaca que o número de erros médicos pode ser ainda maior. Muitos hospitais particulares não relatam os casos ao governo por não terem obrigatoriedade, ao contrário das instituições públicas ou administradas por universidades nacionais. Fonte: The Asahi Shimbun.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta