Ciência e Saúde

Sem saber que estava com tuberculose, médico atendeu mais de 600 pacientes no Japão

O médico foi internado e todos com quem teve contato estão sendo identificados e chamados para exames clínicos.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Medico japonês (Foto: Shutterstok)

Foto: AFLO

Um médico infetado com tuberculose atendeu e examinou, sem usar máscara de proteção, mais de 600 pacientes. O caso, revelado na quarta-feira (17) pelas autoridades da área de saúde do Japão, durou cerca de um mês e só recentemente é que o médico foi internado, de acordo com o jornal português ‘PT Jornal’.

Segundo o periódico português, o médico, de 50 anos, dirigia uma clínica em Ito, na província de Shizuoka, e teria manifestado os primeiros sintomas ainda em agosto, acrescentando que os sintomas da tuberculose podem demorar após o contágio, entre dois a três meses para manifestação.

Pensando estar apenas com um resfriado, o médico teve contato direto com 658 pessoas, incluindo familiares, funcionários da clínica e mais de 600 pacientes que atendeu ao longo de um mês. Só em meados de setembro é que o médico ficou sabendo que, afinal, estava infetado com tuberculose.

O médico então foi internado e todos com quem teve contato estão sendo identificados e chamados para exames clínicos.

Para preservar a integridade da clínica e do médico, o Ministério da Saúde têm mantido seus nomes em sigilo, mas estima que uma boa parte das pessoas, que tiveram contato com o médico, esteja infectada, de acordo com o ‘PT Jornal’.

Em 2010, cerca de 87% dos casos de tuberculose identificados foram tratados com sucesso, de acordo com os dados da Organização Mundial de Saúde.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta