Economia

Base monetária do Japão atinge patamar recorde em novembro

A base monetária ficou em US$ 1,9 trilhão, alcançando um novo máximo histórico pelo nono mês consecutivo.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

O Japão aumentou sua base monetária em novembro para mais um patamar recorde, à medida que o afrouxamento monetário do Banco do Japão (BoJ, o banco central japonês) tem aumentado a base do país para novas altas históricas por nove meses consecutivos, informou nesta terça-feira (3) a emissora NHK.

A base monetária do Japão ficou em aproximadamente US$ 1,9 trilhão no fim de novembro. Isso representa uma alta de quase 1% em relação a outubro, de acordo com a NHK.

Desde o fim de março deste ano, a base monetária já avançou cerca de 30% ante ao ano anterior, ou seja, a alta vem logo antes de o BoJ ter iniciado, em abril, um agressivo plano de estímulo para ampliar a base monetária do país através da compra de dívida pública e de ativos financeiros de maior risco.

Com esta política de flexibilização monetária, o Banco do Japão pretende terminar com mais de 15 anos de deflação e conseguir que os preços aumentem de maneira sustentada a 2% a partir de 2014.

Nesse objetivo, a autoridade monetária pretende ampliar a sua base monetária a um ritmo anual entre 60 a 70 biliões de ienes.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta