Economia

Preços no atacado do Japão sobem 2,4% em janeiro

É o décimo mês consecutivo de alta e o maior em cinco anos.

Do Mundo-Nipo

Os preços no atacado do Japão subiram 2,4 por cento em janeiro na comparação o ano anterior, sendo o décimo mês consecutivo de alta e o maior em cinco anos, informou nesta quinta-feira (13) o Banco do Japão (BoJ, o banco central japonês), indicando que o iene mais fraco e os preços de energia mais elevados, levaram a aumentos em uma ampla variedade de itens.

O índice de preços dos bens corporativos foi de 102,9 contra a base de 100 de 2010, disse o banco central em um relatório preliminar.

Impulsionado pela desvalorização do iene em relação às principais moedas, e também pelo aumento de gastos com energia, o preço do petróleo e carvão subiram 10,7 por cento, enquanto os preços de contas de eletricidade, gás e água aumentaram em média 11 por cento, elevando os preços no atacado.

O aumento de preços ao consumidor final também está em tendência de alta, mas os reflexos para economia ainda não podem ser avaliados antes do aumento de 5 para 8 por cento do imposto sobre consumo programado para abril.

Entretanto, as medidas do primeiro ministro japonês, denominadas “Abenomics”, que visam entre outras medidas o estímulo ao consumo, estão aos poucos surtindo efeitos, e a projeção de uma melhora na economia nacional parece estar cada vez mais próxima.

(Do Mundo-Nipo com NHK News e Agência Kyodo)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe um comentário