Economia

Aumento de imposto não interromperá crescimento econômico do Japão, diz Kuroda

Kuroda afirmou que o “ciclo virtuoso da economia” não será interrompido, mesmo após o aumento do imposto sobre vendas.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Haruhiko Kuroda discursando em 19-03-2014 (Foto: Kyodo)

Kuroda falou sobre a economia japonesa durante um simpósio financeiro em Tóquio (Foto: Kyodo)

O presidente do Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês), Haruhiko Kuroda, afirmou nesta quarta-feira (19) que a economia japonesa vai superar os possíveis impactos negativos após o aumento do imposto sobre vendas em abril, reiterando ainda sua confiança de que a economia segue no caminho para atingir a meta de inflação no prazo determinado.

“Chegamos ao ponto médio de cerca de dois anos que nós [BoJ] determinamos para alcançar a meta de inflação. Até agora, a economia do Japão tem seguido o caminho de atingir a meta de 2 por cento e a estabilidade de preços como o esperado”, disse Kuroda durante discurso em um simpósio financeiro em Tóquio.

O presidente do BoJ também reiterou sua opinião de que a economia japonesa poderá suportar um possível impacto negativo após os aumentos do imposto sobre vendas, previstos para abril deste ano e outubro de 2015.

“O ciclo virtuoso da economia não será interrompido”, afirmou Kuroda, acrescentando que a produção, a renda e o consumo vão continuar crescendo acima da sua taxa potencial.

(Do Mundo-Nipo com a Agência Kyodo)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta