Economia

Preço da gasolina no Japão recua pela 5ª semana seguida, mas segue elevado

Apesar da queda, os preços continuam altos em relação aos registrados antes do aumento do imposto em abril.

Do Mundo-Nipo com Agência Kyodo

O preço médio da gasolina comum no Japão caiu esta semana para 169 ienes (US$ 1,64) por litro, de 169,2 ienes da semana passada, marcando a quinta queda semanal consecutiva, mostraram dados do governo nesta quarta-feira (20).

Na comparação anual, o preço médio do litro no varejo subiu 5,5% ante o mesmo período do ano anterior, após uma alta de 5,6% na semana passada, atingindo a 66ª semana consecutiva de aumento anual, de acordo com os dados da Agência Japonesa de Recursos Naturais e Energia, uma filial do Ministério da Economia, Comércio e Indústria.

Apesar da queda, os preços dos combustíveis continuam caros em relação a cinco meses atrás. O aumento do imposto sobre as vendas, de 5% para 8% em 1º de abril, levou o preço médio da gasolina a subir acentuadamente, para 164,1 ienes na primeira semana após o aumento do imposto. Na semana anterior, o preço estava em 159 ienes.

O preço recente de 169,9 ienes, registrado na semana segunda de julho, foi o mais alto em mais de cinco anos, desde o 29 de setembro de 2008, quando o preço médio chegou a 170,2 ienes. O valor, no entanto, é bem abaixo do recorde de 185,1, registrado em 4 de agosto de 2008.

Por região, Chugoku registrou a maior queda por litro (0,4 centavos de ienes), seguida por Kanto e Chubu (0,3 centavos); Tohoku, Kyushu e Okinawa (0,2 centavos) e Hokkaido, Shikoku e Kinki (0,1 centavos).

A gasolina especial também teve recuou em relação à semana anterior, para 179,8 ienes o litro, que de 0,2 centavos. O óleo diesel estava custando 146,9 ienes na média, baixa de 0,2 centavos.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe uma resposta