Economia

BoJ diz que meta de inflação de 2% deve ser alcançada até início de 2015

Kuroda admitiu nesta segunda-feira que alcançar uma meta de inflação de 2% em dois anos é “muito ambicioso”.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Haruhiko Kuroda, presidente do Banco do Japão  (Foto: Kyodo)

Haruhiko Kuroda, presidente do Banco do Japão (Foto: Kyodo)

O presidente do Banco do Japão (BoJ), Haruhiko Kuroda, admitiu nesta segunda-feira que alcançar uma meta de inflação de 2% em dois anos é “muito ambicioso”, mas que o banco central poderia alcançar a meta no final de 2014 ou início do ano fiscal de 2015.

“Esperamos que a meta de inflação de 2% possa ser alcançada em algum momento no final do ano fiscal de 2014 ou início de 2015”, declarou Kuroda em um fórum realizado em Tóquio, observando que as medidas de flexibilização monetária do BoJ estão longe de terem os efeitos pretendidos sobre o mercado financeiro e a economia.

No âmbito das medidas monetárias em larga escala, introduzidas em abril deste ano, centrando-se da duplicação da base monetária e aumento de título do governo, o BoJ pretende alcançar a meta de 2% em cerca de dois anos para superar mais de uma década de deflação.

As informações são da agência Kyodo.

 

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta