Economia

Presidente do Banco do Japão diz que economia não venceu totalmente a deflação

Kuroda comprometeu-se em manter a política monetária ultra-flexível do banco para atingir a meta de inflação de 2%.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Haruhiko Kuroda, presidente do Banco do Japão  (Foto: Kyodo)

Kuroda comprometeu-se em manter a política monetária ultra-flexível do banco para atingir a meta de inflação de 2%. (Foto: Kyodo)

O presidente do Banco do Japão, Haruhiko Kuroda, declarou nesta quinta-feira (26) que a economia japonesa não venceu totalmente a deflação.

Kuroda comprometeu-se em manter a política monetária ultra-flexível do banco para atingir a meta de inflação de 2%.

“Eu disse ao primeiro-ministro (Shinzo Abe) que a economia do Japão está a caminho de atingir seu objetivo de estabilidade dos preços de 2%”, disse Kuroda após a reunião com Abe.

Kuroda disse que o Japão “Não está completamente fora da deflação”, acrescentando que irá “continuar a flexibilização quantitativa e qualitativa até alcançar os 2% de inflação”.

As informações são da agência Kyodo.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta