Esportes

Comitê dos Jogos 2020 quer discutir transferência da maratona

Foto: Stockvault

COI quer mudar o local da maratona para Sapporo por causa do calor de verão em Tóquio. Mas o Comitê Organizador não gostou muito da decisão.

Tóquio deseja mais tempo para discutir o plano do Comitê Olímpico Internacional (COI) sobre transferir a maratona e a marcha atlética para Sapporo, no norte do Japão, disse nesta quinta-feira (17) Yoshiro Mori, presidente dos Jogos de 2020.

No entanto, enquanto falava com repórteres, Mori também afirmou que Tóquio teria de aceitar a decisão do COI.

O comitê anunciou ontem (16) um plano para transferir o local da prova de maratona e marcha atlética nos Jogos Olímpicos de 2020, que a princípio seria realizada em Tóquio.

Em comunicado, o COI anunciou que está tomando uma ampla gama de medidas para diminuir os efeitos do intenso calor que é registrado habitualmente no verão da capital japonesa.

Com isso, o órgão explicou que as competições das duas modalidades seriam transferidas para Sapporo, capital da ilha de Hokkaido, no estremo norte do Japão, onde o clima é o mais frio do arquipélago japonês.

A organização local, entretanto, pareceu acreditar que o COI apenas havia feito uma proposta para discutir o assunto durante uma reunião com a comissão coordenadora, prevista para ocorrer neste mês.

A Kyodo News informou que autoridades japonesas descreveram a transferência como “inesperada” e “repentina”.

MN – Mundo-Nipo.com
Fonte: Kyodo News.