Esportes

Japão sediará Mundial de Surfe pela 2ª vez seguida

A equipe de surfe do Japão venceu o Mundial 2018 | Foto: Reprodução / ISA

O World Surfing Games 2019 terá lugar na praia Kisakihama, em Miyazaki, e valerá como qualificação para os Jogos de Tóquio 2020.

Depois de sediar o Mundial de Surfe da ISA (International Surfing Association) em setembro deste ano, 28 anos depois de ter recebido esta prova pela primeira vez, o Japão também será palco do evento em 2019.

A competição, denominada World Surfing Games, decorrerá na praia Kisakihama, na província de Miyazaki, no sul do Japão, entre os dias 7 e 15 de setembro do próximo ano. Será a primeira prova de qualificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, onde os surfe fará sua estreia Olímpica.

Por esse motivo, é esperado um autêntico desfile de estrelas do surfe mundial, incluindo alguns dos nomes que competem no Championship Tour da WSL.

Na última edição, realizada na praia de Tahara, na província de Aichi, e que contou com a presença de mais de 200 atletas de 42 nações, a equipe japonesa alcançou um feito histórico ao vencer a competição pela primeira vez.

Os japoneses deixaram a sempre bem cotada Austrália em segundo e os Estados Unidos em terceiro lugar.

No individual masculino, o vencedor foi o argentino Santiago Muñiz, enquanto a australiana Sally Fitzgibbons foi a campeã entre as mulheres.

A competição em 2018 não contou com a presença dos surfistas do Brasil, que estão entre os melhores do mundo. A ausência dos brasileiros foi por conta de problemas burocráticos. A verba (R$ 278.000,00) foi liberada pelo COB (Comitê Olímpico do Brasil), mas a CBSurf (Confederação Brasileira de Surf) não conseguiu passar pela burocracia que todas as confederações passam.

Mediante isso, a equipe formada por Ian Gouveia, Geovane Ferreira, Marcos Corrêa, Anne dos Santos, Gilvanita Ferreira e Larissa dos Santos ficaram de fora da importante competição mundial.

É esperado que o COB e a CBSurf tenham aprendido a lição para não cometer o mesmo erro com a equipe brasileira que participará do World Surfing Games 2019 no Japão.

Veja como foi o Mundial de Surfe da ISA 2018 em Tahara:

Mundo-Nipo
Fontes: Surftotal | Olympic Channel | Rico Surf.

%d blogueiros gostam disto: