Esportes

Japão quer conquistar 14 medalhas de ouro nas Olimpíadas do Rio

Japão vê o evento no Rio como um trampolim para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

A chefe da delegação japonesa no Brasil para os Jogos Olímpicos Rio 2016 disse a repórteres que seu país pretende aumentar o número de medalhas conquistadas na competição e atingir ao menos 14 de ouro no Rio.

“Ganhamos 38 medalhas em Londres, mas apenas sete de ouro. Queremos melhorar este balanço e superar as 14 douradas”, declarou na quarta-feira Seiko Hashimoto em uma entrevista à agência de notícias AFP.

Hashimoto, que vê o importante evento como um trampolim para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, disse que seu país tem como objetivo “ficar em terceiro lugar no quadro geral de medalhas em 2020, e o processo pra alcançar o intento começa no Rio”, detalhou ela à ‘AFP’.

Entre as primeiras esperanças para levar o ouro, o Japão conta com seu nadador Kosuke Hagino, que pretende defender a honra do campeão olímpico Kosuke Kitajima, que fracassou nas classificatórias. Para isso, Hagino deverá derrotar o americano Michael Phelps, o astro das 18 medalhas de ouro olímpicas.

Na luta olímpica, os olhares estarão voltados para Saori Yoshida (categoria -53 kg), tricampeã olímpica e com 13 títulos mundiais. Ela foi designada a líder feminina da seleção do Japão nestes Jogos.

Há ainda grandes chances de ouro para o Japão em várias modalidades, que incluem judô, ginástica artística.

O Japão espera repetir o resultado dos Jogos de Atenas de 2004, quando os japoneses igualaram o recorde de Tóquio-1964 com 16 medalhas de ouro.

(Foto: Kyodo)

Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.