Meio ambiente e Energia

Japão vai permitir cultivo de arroz em áreas afetadas por desastre nuclear

O governo planeja permitir, em 2014, o cultivo experimental de arroz em 3.900 hectares das áreas afetadas pelo desastre em Fukushima.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

O governo japonês disse que pretende permitir o cultivo experimental de arroz na província de Fukushima a partir do ano fiscal de 2014, ou seja, 3 anos depois do desastre na central nuclear Fukushima Daiichi, informou nesta terça-feira (24) a emissora pública NHK.

 

Plantação de arroz em Fukushima (Foto: The Asahi Shimbun)

Na foto, funcionários da prefeitura Okuma, cidade afetada pelo desastre, usam equipamentos de proteção para cortar uma plantação de arroz contaminada em outubro de 2012 (Foto: The Asahi Shimbun)

 

Este ano, o Ministério da Agricultura proibiu o plantio de arroz em cerca de 5.300 hectares em áreas localizadas dentro de zonas de evacuação, mencionando o risco de que as plantações pudessem conter níveis de materiais radioativos acima dos limites impostos pelo governo, de acordo com a NHK.

No entanto, após a revisão do governo proibindo o cultivo nas zonas de evacuação em agosto, o Ministério decidiu permitir a plantação experimental de arroz em 3.900 hectares desse total. O objetivo do cultivo experimental é verificar o nível de materiais radioativos do arroz produzido.

O Ministério diz que, caso os agricultores queiram retomar o cultivo em escala total, todas as plantações serão verificadas pela província e municipalidades. Se os níveis de materiais radioativos estiverem dentro do limite, o arroz poderá ser comercializado.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •