Política

Japão espera reafirmar cooperação com os EUA contra a China

O Japão informou que não pode aceitar a zona da China e continuará pedindo a suas companhias aéreas para não apresentarem planos de voo.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

O Japão pretende reafirmar sua cooperação com Estados Unidos contra zona de identificação de defesa aérea da China durante uma visita do vice-presidente norte-americano a Tóquio.

Funcionários do governo japonês informaram que o primeiro-ministro Shinzo Abe e o vice-presidente Joe Biden devem se reunir para reafirmar a cooperação sobre o assunto. Biden chegará ao Japão na segunda-feira (02).

Os EUA aconselharam na sexta-feira seuas companhias aéreas comerciais a notificarem a China antes de voarem na zona declarada no Mar da China Oriental.

A China exige que aeronaves apresentem planos de voo com antecedência e obedeçam instruções chinesas na zona.

O governo japonês pediu aos EUA para permitir que suas companhias aéreas tomem suas próprias decisões sobre apresentar ou não o plano de voo.

Mas alguns funcionários estão preocupados que a China pense que surgiu algum desentendimento entre Japão e EUA.

O Japão informou que não pode aceitar a zona da China e continuará pedindo a suas companhias aéreas para não apresentarem planos de voo.

A zona de identificação de defesa foi criada sobrepondo as Ilhas Senkaku, que são controladas pelo Japão, mas disputadas pela China e Taiwan.

As informações são da rede NHK.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta