Política

Premiê japonês deposita flores no Túmulo do Soldado Desconhecido em Paris

Abe supostamente quis mostrar que o Santuário Yasukuni, dedicado às vítimas de guerra, se destina a servir o mesmo propósito.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, depositou flores no Túmulo do Soldado Desconhecido, no Arco do Triunfo, em Paris. O monumento recorda os soldados mortos durante a I Guerra Mundial (1914-1918).

 

Túmulo do Soldado Desconhecido sob o Arco do Triunfo, em Paris (Foto: Arquivo/Wikimedia)

Túmulo do Soldado Desconhecido sob o Arco do Triunfo, em Paris (Foto: Arquivo/Wikimedia)

 

O premiê japonês queria “expressar reverência àqueles que deram suas vidas por seu país”, demostrando respeito ao monumento fundado em 1920, disse uma fonte diplomática à Agência Kyodo.

Abe supostamente quis mostrar que a sua homenagem ao Santuário de Yasukuni, em Tóquio, dedicado às vítimas de guerra, se destina a servir o mesmo propósito. O santuário, no entanto, é vinculado ao passado militarista do Japão, onde líderes japoneses condenados como criminosos de guerra por um tribunal dos Aliados após a Segunda Guerra Mundial são homenageados juntamente com os que morreram na batalha.

China e Coreia do Sul já demonstraram diversas vezes serem contrários às visitas de políticos japoneses ao Santuário Yasukuni. As relações de Japão com seus vizinhos continuam marcadas pela recordação dos movimentos das tropas imperiais durante a colonização da península coreana (1910-1945) e a ocupação parcial da China (1931-1945). Além disso, várias disputas territoriais avivam a tensão nas relações do Japão com seus vizinhos.

(do Mundo-Nipo com Agência Kyodo)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta