Política

Ministro da Defesa do Japão diz que não pode ignorar invasões de navios da China

Embarcações chinesas cruzaram a fronteira marítima por mais de 50 dias no ano passado.

Do Mundo-Nipo

Itsunori Onodera, ministro de Defesa do Japão (Foto: Aflo Images)

Itsunori Onodera, ministro de Defesa do Japão (Foto: Aflo Images)

O ministro da Defesa do Japão, Itsunori Onodera, declarou neste domingo que não pode ignorar a invasão repetida de navios de patrulha chineses em águas japonesas.

Onodera fez a declaração após três navios da Guarda Costeira da China serem avistados ao largo das Ilhas Senkaku, no Mar da China Oriental. Os navios deixaram a área 2 horas mais tarde.

As ilhas são controladas pelo Japão e reivindicadas pela china e Taiwan. O governo japonês defende que as ilhas são parte inerente do território do país, conforme a história e direito internacional.

Embarcações chinesas cruzaram a fronteira marítima por mais de 50 dias no ano passado. A invasão de hoje foi a primeira desde 29 de dezembro.

O ministro afirmou que importante continuar os esforços diplomáticos, mas que a Força de Autodefesa irá trabalhar para proteger os territórios de seu país.

As informações são da NHK.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe uma resposta