Política

Japão e Coreia do Sul entram em acordo sobre locais recomendados à Unesco

O acordo vem após protestos de Seul contra a recomendação de complexos industriais da Era Meiji como Patrimônios da Humanidade.

Do Mundo-Nipo

Os ministros de Relações Exteriores do Japão e Coreia do Sul anunciaram um acordo de cooperação para que locais históricos, recomendados por ambos os países, sejam reconhecidos pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) como Patrimônios da Humanidade, uma decisão que alivia os recentes protestos do governo sul-coreano contra a recomendação de vários complexos industriais que fizeram parte da revolução industrial japonesa.

O chanceler japonês, Fumio Kishida, e sua contraparte sul-coreana, Yun Byung-se, anunciaram o acordo logo após o término de uma reunião que durou três horas, realizada ontem (21) em Tóquio.

Japão deseja que algumas instalações industriais da Era Meiji sejam reconhecidas como Patrimônios da Humanidade, enquanto a Coreia do Sul propõe que as áreas históricas Baekje entrem na lista da Unesco.


saiba mais


Unesco considera incluir complexos industriais da era Meiji como Patrimônio Mundial


Revolução Industrial Japonesa: Revolução Meiji


Até então, Seul havia se manifestado contra o pedido japonês, isso porque o governo sul-coreano argumenta que moradores da península coreana foram forçados a trabalhar em algumas instalações industriais que fizeram parte da Revolução Meiji.

“O endosso cobre todas as 23 instalações em oito prefeituras propostos pelo governo japonês como a principal representação da industrialização no país a partir da Era Meiji, no final do século XIX até o início do século XX”, disse om comitê consultivo da Unesco em nota emitida no início de maio passado.

A decisão formal dos novos locais que serão incluídos na lista da Unesco ocorrerá em uma reunião do “Comitê do Patrimônio Mundial” que será realizada em julho, em Bonn, na Alemanha.

(Com informações da NHK News e Agência Kyodo)

*Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.