Política

Japão contribui para segurança e ordem marítima global

Kiuchi expressou a intenção do governo japonês em ajudar outros países a manter a lei e a ordem no mar.

Do Mundo-Nipo

Funcionários da guarda costeira do Sudeste Asiático, Oriente Médio e África se reuniram nesta terça-feira (24) em Tóquio para decidir formas de garantir a segurança marítima.

Autoridades de 13 países, incluindo Vietnã, Malásia, Iêmen e Djibuti, participaram na reunião desta terça-feira, organizada pela primeira vez pelo Ministério das Relações Exteriores do Japão.

O vice-chanceler japonês, Minoru Kiuchi, descreveu o oceano como um bem público que traz prosperidade para a sociedade internacional. Ele destacou a necessidade de manter a ordem de acordo com o direito internacional e disse que é inaceitável mudar o status quo pela força.

Kiuchi expressou a intenção do governo japonês em ajudar outros países a manter a lei e a ordem no mar.

O Ministério das relações Exteriores japonês e a Guarda Costeira do Japão informaram aos participantes sobre o tipo de assistência ofertada, como a compra de navios e criação de uma organização de segurança marítima.

As informações são da rede NHK.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe um comentário