Política

Japão pretende manter atividades de paz no Sudão do Sul

Cerca de 400 militares japoneses estão no país africano nas instalações da ONU ao lado de um aeroporto na capital, Juba.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Militares japoneses no Sudão do Sul (Foto: Kyodo)

Cerca de 400 militares japoneses estão no Sudão do Sul (Foto: Kyodo)

O governo japonês planeja dar continuidade às atividades das Forças de Autodefesa de manutenção da paz no Sudão do Sul.

Cerca de 400 militares japoneses estão no país africano nas instalações da ONU ao lado de um aeroporto na capital, Juba. Eles estão fornecendo aos evacuados assistência médica e abastecimento de água.

Na terça-feira (24), o Coronel Kenichi Igawa , o chefe da unidade , conversou por videofone com o ministro da Defesa Itsunori Onodera sobre a situação de segurança na capital.

Igawa relatou que a vida cotidiana está voltando ao normal em Juba. Ele disse que a unidade está realizando a sua missão sem quaisquer problemas.

Ministro das Relações Exteriores, Fumio Kishida, emitiu uma declaração sobre o Sudão do Sul na terça-feira.

Kishida expressou forte preocupação com o número de vítimas e pediu que todos os envolvidos abstenham-se de violência e resolvam o conflito através do diálogo.

As informações são da rede NHK.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta