Política

Premiê japonês diz que China e Japão devem se reunir “rapidamente”

O governo chinês reagiu friamente as declarações de Shinzo Abe.

Do Mundo-Nipo

Shinzo Abe, primeiro-ministro do Japão (Foto: Kyodo)

Shinzo Abe, primeiro-ministro do Japão (Foto: Kyodo)

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, disse nesta sexta-feira que uma reunião de cúpula entre líderes ou chanceleres dos governos japonês e chinês deve acontecer o mais rápido possível, sem precondições.

“Acho que deve haver uma reunião de cúpula e também uma reunião de chanceleres o mais rápido possível. Acho que esses encontros devem acontecer sem precondições”, disse Abe, durante sua visita a Cingapura, quando questionado, segundo informações da agência Reuters.

O premiê japonês disse que os laços entre os dois países são vitais para ambos se beneficiarem economicamente.

Mais cedo, o Ministério da Defesa do Japão expressou preocupação coma crescente atividade militar chinesa em torno das disputadas Ilhas Senkaku, que são reivindicadas pela China.

O governo chinês reagiu friamente as declarações de Shinzo Abe, firmando que o ônus de uma melhor relação com Pequim está com Tóquio.

 

Para saber mais sobre Política, clique em mundo-nipo.com/politica. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe um comentário