Sociedade

Jovens ficam 9 dias presos por crime que não cometeram em Osaka

Acusados indevidamente, os rapazes de 19 e 16 anos foram libertados somente após a vítima confessar ter sido agredida por outra pessoa.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

O departamento de polícia da cidade de Kadoma, na província de Osaka, centro-sul do Japão, prendeu dois jovens após terem sido “indevidamente” reconhecidos pela vítima, um rapaz de 18 anos, que havia sofrido lesão corporal grave, mas que foi praticada por outra pessoa. O resultado da falsa acusação resultou na detenção dos dois inocentes, que ficaram presos durante nove dias, informou a imprensa japonesa.

No dia 23 de novembro, um rapaz de 18 anos que, segundo a emissora ‘TBS’, teria problemas mentais, teve o rosto brutalmente ferido em um parque da cidade de Kadoma, e registrou queixa contra um jovem de 19 anos e um adolescente de 16 anos, que acabaram presos no dia 5 de dezembro.

A inocência dos dois rapazes só foi descoberta no dia 12 de novembro, quando a polícia resolveu interrogar a vítima novamente, já que os acusados negavam constantemente a autoria do crime.

A vítima então confessou ter sido atingida por um colega da mesma escola, também de 18 anos, acrescentando que acusou os dois jovens para proteger o “amigo”, de acordo com o jornal ‘The Mainichi’.

Somente no dia 13 de novembro, após 9 dias de detenção, é que a policia decretou a liberdade dos inocentes, enquanto o verdadeiro agressor está sendo interrogado.

“Não houve acusações de outras pessoas além da vítima, e deveríamos ter investigado mais a fundo”, disse em tom de arrependimento o delegado Yamauchi, da polícia de Kadoma, de acordo com a revista online ‘Alternativa’.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta