Sociedade

Japonês entra para o Guinness por maior tempo no corredor da morte

Cerca de 134 pessoas estão esperando para ser executadas no Japão.

Do Mundo-Nipo

Iwao Hakamada (Foto: reprodução)

Iwao Hakamada (Foto: reprodução)

O japonês Iwao Hakamada, de 77 anos, entrou para o Guinness World Records por ser o mais antigo prisioneiro no corredor da morte.

Há quase meio século desde sua condenação, em 1968, o ex-boxeador busca um novo julgamento sobre o incidente que o colocou na prisão.

Hakamada foi condenado por assinar 4 pessoas de uma família na província de Shizuoka, em 1966.

Ele não quer mais receber visitantes e suspeita-se de que o mesmo esteja sofrendo de demência. Grupos de direitos humanos afirmam que este caso mostra a crueldade do sistema japonês.

Os registros da Suprema Corte  de Tóquio mostram que Hakamada se declarou inocente para o caso, mas foi colocado sob intensa pressão para confessar o crime.

Cerca de 134 pessoas estão esperando para ser executadas no Japão.

 

Para saber mais sobre Sociedade, clique em mundo-nipo.com/sociedade. Siga também oMundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe um comentário