Sociedade

Militares japoneses usaram dinheiro para cobrir escravidão sexual na Indonésia

O oficial disse que o uso do dinheiro funcionou bem e não havia uma queixa relacionada com a escravidão sexual.

Do Mundo-Nipo

As Forças Armadas Imperiais do Japão usaram dinheiro para encobrir o uso de escravas sexuais na ilha indonésia de Bali durante a Segunda Guerra Mundial, de acordo com um grupo de pesquisadores de uma universidade japonesa.

Um subtenente japonês que serviu durante a Guerra no Pacífico declarou em uma investigação do Ministério da Justiça, em agosto de 1962, que cerca de 70 mulheres foram levadas para bordeis militares e cerca de 200 para unidades militares, conforme dados encontrados em Arquivos Nacionais do Japão.

Ele também informou que cerca de 700 mil ienes foram usados para apaziguar os residentes locais.

O oficial disse que o uso do dinheiro funcionou bem e não havia uma queixa relacionada com a escravidão sexual.

(Do Mundo-Nipo com informações da agência Kyodo)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe uma resposta