Sociedade

Morre último sobrevivente da tripulação que lançou a bomba atômica sobre Hiroshima

Van Kirk era um dos 12 tripulantes do avião que lançou bomba atômica “Little Boy” sobre Hiroshima.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

O último sobrevivente do avião que lançou uma bomba atômica sobre a cidade japonesa de Hiroshima faleceu na última segunda-feira, aos 93 anos. Theodore Van Kirk morreu de causas naturais no estado americano da Geórgia, informou nesta quarta-feira (30) a emissora púbica ‘NHK’.

 

Theodore Van Kirk (Imagem: Reprodução/NHK)

Van Kirk era um dos 12 tripulantes do avião que lançou bomba atômica “Little Boy” sobre Hiroshima (Imagem: Reprodução/NHK)

 

Van Kirk era um dos 12 tripulantes do bombardeiro B-29. Batizado de ‘Enola Gay’, a aeronave lançou a primeira bomba atômica empregada como arma de guerra sobre Hiroshima, em 6 de agosto de 1945, levando a morte milhares de cidadãos japoneses.

Em 2005, o navegador Van Kirk emitiu uma declaração pública ao lado do piloto Paul Tibbets.

“Eles disseram não sentir nenhum remorso por conduzirem sua missão adiante. Ambos afirmaram estar orgulhosos com o lançamento da bomba, pois eles acreditavam que isso ajudou a acabar com a guerra e a salvar muitas vidas. Disseram que o uso da arma foi necessária naquele momento específico da história”, conforme noticiou a NHK.

 

Lançamentos de bombas atômicas sobre Hiroshima e Nagasaki

Os bombardeamentos em Hiroshima e Nagasaki foram ataques nucleares ocorridos no final da Segunda Guerra Mundial contra o Império do Japão, em agosto de 1945.

Os ataques foram realizados pela Força Aérea dos Estados Unidos da América na ordem do então presidente americano Harry S. Truman, nos dias 6 de agosto e 9 de agosto de 1945. Após seis meses de intenso bombardeio em 67 outras cidades japonesas, a bomba atômica “Little Boy” caiu sobre Hiroshima numa segunda-feira. Três dias depois, no dia 9, a “Fat Man” caiu sobre Nagasaki.

Historicamente, estes são até agora os únicos ataques do mundo onde se utilizaram bombas nucleares. As estimativas do primeiro massacre por armas de destruição maciça sobre uma população civil apontam para um número total de mortos a variar entre 140 mil em Hiroshima e 80 mil em Nagasaki, sendo algumas estimativas consideravelmente mais elevadas quando são contabilizadas as mortes posteriores devido à exposição à radiação. A maioria dos mortos eram civis.

Texto extraído do “The Spirit of Hiroshima: An Introduction to the Atomic Bomb Tragedy”: Hiroshima Peace Memorial Museum, 1999.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta