Sociedade

Japão evacua 101 escolas após ameaça de bomba

A evacuação mobilizou cerca de 44 mil crianças que foram enviadas às pressas para suas casas na província de Shizuoka.

Do Mundo-Nipo

Cerca de 44 mil crianças foram enviadas mais cedo para suas casas em uma cidade na província de Shizuoka, na região central do Japão, nesta terça-feira (30), quando 101 escolas foram fechadas por causa de uma ameaça de bomba, informou a polícia local em um relatório.

 

Escola no Japão (Foto: Aflo Images)

A evacuação mobilizou cerca de 44 mil crianças que foram enviadas às pressas para suas casas (Foto: Aflo Images)

 

Segundo a polícia, o Conselho de Educação da cidade de Hamamatsu ordenou o esvaziamento de todas as 101 escolas públicas da cidade após ter recebido uma ligação anônima de um homem, por volta das 11h15 desta terça-feira (23h15 de segunda pelo horário de Brasília), que afirmava ter instalado bombas um uma das escolas.

Por medida de segurança, cerca de 44 mil alunos tiveram as aulas suspensas e foram obrigados a voltar para casa andando em grupos, enquanto algumas escolas avisaram os pais para buscar os filhos.

De acordo com a agência Jiji Press, o homem ligou para o telefone central da prefeitura de Hamamatsu e pediu o ramal do Conselho de Educação. Em sua ameaça, ele não especificou em qual escola teria instalado as bombas.

Imediatamente após a ameaça, o Conselho de Educação então acionou a polícia, que mobilizou 350 homens de cinco delegacias para investigar o caso e fazer buscas nas escolas.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe uma resposta