Notícias Tecnologia

Navio autônomo navega no Japão em viagem ‘perfeita’ de 790 km

Cargueiro autônomo Suzaku | ©Nippon Foundation
©Nippon Foundation

Cargueiro de 749 toneladas navegou “sozinho” desde a baía de Tóquio até a baía de Ise. É a primeira viagem autônoma comercial do mundo.

Operado pela empresa israelense Orca AI, um cargueiro autônomo conseguiu o intento de completar uma viagem de 790 km no Japão, sem intervenção humana em 99% do trajeto. Segundo informou o site Olhar Digital, a operadora disse que o cargueiro, de nome Suzaku, conseguiu evitar entre 400 e 500 colisões sem a assistência humana.

Suzaku partiu de Tóquio e ficou 40 horas em alto mar. Ao todo, foram 107 manobras na água durante o percurso de quase 800 quilômetros.

O cargueiro conseguiu navegar tranquilamente pela baía de Tóquio, uma das mais congestionadas do mundo, e chegar com segurança ao porto de Tsu-Matsusaka, na Baía de Ise, em Honshu, principal ilha do Japão.

A viagem inédita do cargueiro de 749 toneladas aconteceu nesta semana.

O diretor executivo e co-fundador da Orca AI, Yarden Gross, disse em comunicado que “a primeira viagem autônoma comercial do mundo é um marco significativo”. Disse ainda que “espera ver grandes empresas de transporte implementando tecnologias avançadas de inteligência artificial (IA) e visão computacional”.

A Orca AI é uma desenvolvedora de plataformas de software de segurança para embarcações marítimas. Com sede em Israel e fundada em 2018 por dois especialistas em tecnologia naval, a empresa combina sensores com sistemas de segurança existentes a bordo dos navios para aperfeiçoar a jornada, conectando as embarcações à costa com relatórios diários.

Parceria com empresa japonesa

Em setembro do ano passado, a Orca AI fechou uma parceria com o grupo japonês NYK (Nippon Yusen Kabushiki Kaisha) para testar sua tecnologia autônoma em uma viagem de cargueiro. A jornada, que também teve apoio da organização sem fins lucrativos Nippon Foundation, foi utilizada como teste-pesquisa para apoiar o avanço das viagens marítimas autônomas.

Sistema de navegação autônoma da Orca AI

O sistema de navegação da Orca AI foi configurado para funcionar como um “guardião humano”, fornecendo 18 câmeras a bordo, detecção, rastreamento, classificação e estimativa de alcance da embarcação em tempo real, com uma visão de 360º, dia e noite.

“Com boa parte do comércio internacional do Japão confiando no transporte marítimo, é imperativo encontrar soluções tecnológicas que tornem o transporte mais seguro”, disse Hideyuki Ando, do grupo NYK, sobre a bem-sucedida viagem do cargueiro e o futuro do transporte marítimo.

Os algoritmos da Orca AI são alimentados por Inteligência Artificial (IA) e machine learning e foram construídos de acordo com dados coletados do cargueiro um ano antes da viagem. Isso ajudou o software a identificar alvos no complexo ambiente da baía de Tóquio.

Sala de Inteligência Artificial para cargueiros autônomos no Japão | ©Nippon Foundation
Sala de Inteligência Artificial para cargueiros autônomos no Japão | ©Nippon Foundation

Os dados em tempo real foram monitorados a centenas de quilômetros de distância, no centro de operações da frota na capital japonesa.

== Mundo-Nipo (MN)
Fontes: Olhar Digital | Nippon Foundation.