Cultura

Japão realiza evento de degustação de saquê na sede da ONU

O evento foi o primeiro do tipo realizado na sede da ONU.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Vinte e três japoneses, “mestres do saquê”, realizaram um evento de degustação na sede da Organização das Nações Unidas (ONU), na sexta-feira (1), dando a diplomatas e funcionários do órgão a oportunidade de saborear uma grande variedade do saquê japonês que, por muitas vezes, é referido como “vinho de arroz”.

 

Degustação de saquê na ONU (Imagem: NHK/Reprodução)

Durante o evento, os “mestres” serviram saquês produzidos por 48 produtores do Japão (Imagem: NHK/Reprodução)

 

Enquanto os visitantes provaram saquês produzidos por 48 produtores em todo o Japão, alguns saudaram a “sofisticação e habilidade” do Japão na criação de uma variedade tão intrigante de sabores.

“Esta é uma ótima oportunidade para que o mundo conheça a sofisticação dos japoneses na criação de diferentes gostos”, disse Yoon Yeocheol, chefe do Departamento de Protocolo e Serviço de Ligação para Assembleia Geral e Gestão de Conferências das Nações Unidas.

“Sempre que experimento um (saquê), me espantado com a sofisticada variedade de gosto”, disse o sul-coreano Yoon à Kyodo.

O evento, patrocinado pela Missão Permanente do Japão nas Nações Unidas em conjunto com a Associação de Produtores do Japão, foi o primeiro do tipo realizado na sede da ONU, em Nova York.

Degustação de saquê na ONU (Imagem: NHK/Reprodução)

Cerca de 200 pessoas participaram do evento (Imagem: NHK/Reprodução)

O evento contou com a participação de cerca de 200 diplomatas e funcionários da ONU, incluindo Motohide Yoshikawa, embaixador do Japão na ONU, que discursou durante o evento, momento em que agradeceu a presença de todos e destacou a qualidade do saquê japonês e sua importância cultural.

Naotaka Miyasaka, presidente da Associação Japonesas de Produtores e da empresa Miyasaka Brewing Co., em Nagano, disse que o evento ajudará a aumentar o prestígio internacional do saquê, além de reforçar a imagem da cultura japonesa globalmente.

“A cultura alimentar do Japão, centrada em sushi, se tornou popular em quase todo o mundo, e nós gostaríamos que as pessoas soubessem que o saquê se encaixa melhor com a comida japonesa”, disse Miyasaka, acrescentando que a associação levou para o evento a mais alta qualidade de saquê produzida no Japão.

Carlos Chavarri, membro da missão espanhola na ONU, disse que nunca havia experimentado uma bebida tão boa, e afirmou que irá recomendar para outras pessoas.

Perguntado se recomendaria o saquê antes do vinho espanhol, Chavarri disse: “Eu tenho que ficar com as minhas raízes, portanto, recomendarei o vinho primeiro, mas devo dizer que gosto de saquê tanto quanto gosto de vinho”.

As informações são da agência Kyodo. Todos os direitos reservados.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta