Cultura

Morre Nagisa Oshima, diretor de “O Império dos Sentidos”, aos 80 anos

Oshima foi nos anos 1960 um dos autores emblemáticos da chamada “nova onda” japonesa.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Da agência EFE

Nagisa Oshima (direita) com o ator Ryuhei Matsuda (esquerda). (Foto: Rita Molnár)

Nagisa Oshima (direita) com o ator Ryuhei Matsuda (esquerda). (Foto: Rita Molnár)

Tóquio, 15 jan (EFE).- O cineasta japonês Nagisa Oshima, diretor de filmes como “O Império dos Sentidos” e “Furyo, em Nome da Honra”, morreu aos 80 anos em um hospital de Kanagawa, ao sul de Tóquio, por causa de uma pneumonia, informou nesta terça-feira a rede de TV pública “NHK”.

Considerado um dos diretores mais ousados e também mais controvertidos do Japão, Oshima foi nos anos 1960 um dos autores emblemáticos da chamada “nova onda” japonesa, e nas décadas posteriores se tornou um dos nomes de maior projeção do cinema de seu país. EFE

 

Agência EFE – Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem a autorização prévia por escrito da Agência EFE S/A.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta