Sumô

Hakuho, campeão do Torneio de Kyushu é o homem a ser batido em 2013

Hakuho fechou o ano com uma grande vitória sobre o novo yokozuna Harumafuji no último dia do Grande Torneio de Sumô de Kyushu.

Atualizado em 26/11/2012 às 02:02


Do Mundo-Nipo

Hakuho fechou o ano com uma grande vitória sobre o novo yokozuna Harumafuji no domingo, último dia do Grande Torneio de Sumô de Kyushu, mostrando ser o homem a ser batido no ano de 2013.

 

Hakuho supera Harumafuji na luta final do torneio e do ano de 2012. (Foto: Takeshi Iwashita)

 

Na luta final do torneio e do ano, Harumafuji saiu forte contra Hakuho na esperança de recuperar algum prestígio após sofrer quatro derrotas consecutivas, que o eliminou precocemente da corrida pelo título. No entanto, mais uma vez foi derrotado, no confronto que foi marcado como sendo o primeiro entre dois yokozuna desde que Asashoryu se aposentou em 2010.

O Campeão Hakuho não conquistava um título a três torneios. Já o yokozuna estreante Harumafuji, ganhou os dois últimos torneios com registros perfeitos de 15-0, após o compatriota mongol Kyokutenho ter conquistado o torneio em maio. Então, Hakuho foi especialmente vitorioso ao conseguir estar de volta ao centro das atenções e alcançando o 23º terceiro título da carreira.

“Tem algum tempo desde que ganhei o último título. Eu nunca desisti, sempre mantive a esperança de que este dia chegaria novamente”, disse o Grande Campeão, em sua língua nativa, aos seus fãs da Mongólia, divulgado pelo jornal japonês Asahi Shimbun.

Foi um triste torneio para Harumafuji, que termina com um frustrante registro de 9-6. O mongol está cuidando de um tornozelo lesionado, para não mencionar dos cortes e contusões em seus ombros. Seu colapso na reta final foi certamente uma frustração, vinda após seus dois torneios perfeitos que lhe renderam a promoção ao posto maior do sumô. No entanto, ele tem algum tempo pela frente para recuperar-se dos problemas físicos, e talvez emocionais, que o torneio de Kyushu lhe impôs.

Em uma luta digna de ozeki, Kakuryu da Mongólia e Kisenosato do Japão, foram para o ringue e lutaram com determinação. Ambos estavam equilibrados, mas Kakuryu teve mais aderência, conseguindo derrubar Kisenosato que sofreu a quinta derrota. O mongol terminou com nove vitórias.

O sekiwake Goeido derrotou ozeki Kotoshogiku, terminado o torneio com 11-04. Kotoshogiku continuará no posto de ozeki, pois já tinha alcançado oito vitórias. Ele agora tem algum tempo para voltar à forma depois de sofrer ao longo dos últimos dois torneios com uma grave lesão. Goeido, por outro lado, foi reconhecido por seu desempenho técnico, recebendo o prêmio de melhor técnica do torneio.

O ozeki Kotooshu arrancou do 5ª maegashira Toyohibiki (9-6) a sua nona vitória. O imprevisível búlgaro escapou do rebaixamento quando conseguiu vencer o yokozuna Hakuho, mas ainda está longe de disputar um campeonato por continuar a ser inconsistente.

O sekiwake Myogiryu venceu o 6º maegashira Kyokutenho (10-5), apesar de ter sido conduzido até a borda e quase ter caído. Ele conseguiu torcer o corpo no momento em que ficou com o calcanhar a alguns centímetros de tocar o lado de fora do anel. Apesar de ter vencido lutadores de postos superiores, como os ozeki Kakuryu e kotoshogiku, além do yokozuna Harumafuji, o sekiwake Myogiryu foi para casa com um histórico de mais derrotas do que vitórias (6-9).

O Komusubi Aminishiki empurrou para fora do anel o lesionado 4º maegashira Masunoyama (5-10). Ambos terminaram o torneio como perdedores. Embora Aminishiki tenha ficado somente a uma vitória de conseguir manter o posto de Komusubi.

O prêmio por espírito de luta foi dado, merecidamente, ao 2º maegashira Shohozan, que encerrou sua participação no torneio com vitória sobre o russo, 7º maegashira Aran (8-7). Shohozan alcançou 10 vitórias, três delas foram contra ozeki – um excelente registro.

 

Resultados da divisão Makuuchi – 1ª divisão do sumô:

 VENCEDOR           TÉCNICA      PERDEDOR
 +Daikiho     9-6   oshidashi    Chiyonokuni   5-10
 +Kotoyuki    9-6   oshitaoshi   Wakakoyu      4-11
 Fujiazuma    8-7   tsukidashi   Asahisho      6-9
 Yoshikaze    8-7   tsukitaoshi  Wakanosato    8-7
 Ikioi        9-6   oshidashi    Chiyotairyu  10-5
 Tokitenku    7-8   shitatenage  Miyabiyama    5-10
 Kitataiki    8-7   yorikiri     Gagamaru      8-7
 Tamawashi    9-6   oshitaoshi   Takayasu      5-10
 Takekaze     4-11  oshidashi    Jokoryu       6-9
 Tochinoshin  5-10  yorikiri     Yoshiazuma    3-12
 Kaisei       7-8   yorikiri     Shotenro      5-10
 Shohozan    10-5   oshidashi    Aran          8-7
 Toyonoshima 11-4   oshidashi    Tochiozan    10-5
 Daido        5-10  tsukiotoshi  Homasho       4-11
 Aminishiki   7-8   oshidashi    Masunoyama    5-10
 Myogiryu     6-9   sukuinage    Kyokutenho   10-5
 Kotooshu     9-6   yorikiri     Toyohibiki    9-6
 Goeido      11-4   tsukiotoshi  Kotoshogiku   8-7
 Kakuryu      9-6   tsukiotoshi  Kisenosato   10-5
 Hakuho      14-1   shitatenage  Harumafuji    9-6

 

* Técnica significa o nome do golpe que foi aplicado pelo vencedor contra o perdedor do combate.
* Prefixo + indica lutador da divisão Juryo (2ª divisão).

 

Prêmios especiais para os lutadores da divisão makuuchi:

  • Prêmio de Melhor Desempenho – Não disponível
  • Prêmio de Espírito de Luta – Shohozan (1)
  • Prêmio de Melhor Técnica – Goeido (3)

 

As informações da tabela são da Kyodo News | Vídeo: Dichne.com – Via Kintamayama’s channel.

 

 

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários