Sociedade

Ativista anti-nuclear sobrevivente do bombardeio no Japão morre aos 82 anos

Os familiares do ativista informaram hoje que o mesmo faleceu em um hospital de Nagasaki.

Do Mundo-Nipo

O líder do movimento anti-nuclear do Japão e sobrevivente do bombardeio atômico de Nagasaki, Senji Yamaguchi, morreu neste sábado aos 82 anos de idade.

 

"Sem mais Hiroshimas, sem mais Nagasakis, sem mais guerra", disse Senji Yamaguchi durante um discurso na ONU em  1982 (Foto: Kyodo)

“Sem mais Hiroshimas, sem mais Nagasakis, sem mais guerra”, disse Senji Yamaguchi durante um discurso na ONU em 1982 (Foto: Kyodo)

 

Os familiares do ativista informaram hoje que o mesmo faleceu em um hospital de Nagasaki.

Yamaguchi trabalhava em um corpo de estudantes para um fábrica, quando os Estados Unidos bombardearam as cidade de Hiroshima e Nagasaki em agosto de 1945. Aos 14 anos ele sofreu queloide.

O sobrevivente se juntou ao movimento anti-nuclear em 1955 e mais tarde serviu como um dos três presidentes da Hidankyo (Confederação Japonesa de Organizações de Vítimas da Bomba Atômica e de Hidrogênio) por 29 anos, até 2010.

Falando na segunda sessão extraordinária das Nações Unidas sobre o desarmamento em 1982, ele apelou à comunidade internacional para garantir que ataques nucleares nunca mais ocorressem.  “Sem mais Hiroshimas, sem mais Nagasakis, sem mais guerra, sem mais hibakusha (sobreviventes da bomba atômica)”, disse ele.

As informações são da agência Kyodo.

 

Para saber mais sobre Sociedade, clique em mundo-nipo.com/sociedade. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*