Tecnologia

Agência espacial japonesa divulga vídeo com imagens inéditas da Lua

Foto: JAXA/NHK

São mais de 600 vídeos, todos gravados ao longo de dois anos pela sonda japonesa Kaguya.

A Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial (JAXA, na sigla em inglês), em conjunto com a emissora estatal japonesa ‘NHK, anunciou nesta quarta-feira (14) que serão divulgados mais de 600 vídeos de alta definição com imagens inéditas da Lua, todos gravados pela sonda lunar japonesa Kaguya.

De acordo com a ‘NHK’, Kaguya partiu da Terra em 14 de setembro de 2007 com a inédita missão de recolher dados topográficos tridimensional da Lua, uma tarefa realizada ao longo de dois anos.

Kaguya partiu levando uma câmera de vídeo de alta definição da ‘NHK’ para gravar imagens detalhadas da superfície lunar. Esses vídeos ficaram em poder dos cientistas da Jaxa para fins de investigação e, por isso, não foram disponibilizados ao público.

Agora, os dois órgãos estatais do Japão decidiram liberar todos os 635 vídeos para permitir que mais pesquisadores, bem como educadores, possam também utilizá-los para fins de pesquisa.

Um vídeo feito em outubro de 2008 mostra a Terra vista a partir do pólo sul lunar se ajustando no horizonte da Lua. Outro vídeo, gravado em maio de 2008, captura o lado da Lua que não é visível a partir da Terra. As imagens mostram uma das planícies escuras da Lua, conhecidas como ‘Mares lunares’ – partes desses dois vídeos foram divulgados hoje pela ‘NHK’.

A liberação dos vídeos em seu total teor terá início em 21 de setembro. Todo o conjunto está programado para estar disponível até o final de outubro.

As imagens exibidas pela ‘NHK’ podem ser conferidas no site NHK World News, onde ficarão disponíveis por dois dias.

Comentários