Economia

Preço do camarão dispara e tem alta recorde no Japão

Uma bactéria tem afetado a produção de camarão no Sudeste Asiático, região dos principais fornecedores do Japão.

Do Mundo-Nipo

A indústria de alimentos do Japão tem sido prejudicada desde que uma bactéria fatal afetou a produção de camarão na Tailândia e no Vietnã. Com isso, os preços dos camarões importados subiram logo depois que foram notificados os primeiros casos da bactéria, em abril.

 

Camarão (Imagem: Reprodução)

Muitos dos camarões congelados vendidos no Japão são importados da Tailândia (Imagem: Reprodução)

 

Segundo a emissora NHK, funcionários de uma grande empresa de comércio de alimentos disseram que a Tailândia, maior exportadora de camarão do mundo, só poderá produzir a metade de sua capacidade anual de 500 mil toneladas.

Muitos dos camarões congelados vendidos no Japão são importados da Tailândia e de outros países do Sudeste Asiático. A queda da produção nesses países tem gerado forte elevação dos preços no Japão, registrando altas recordes de 40 a 50% para os camarões gigantes.

O hipermercado Nerima Ward, com sede em Tóquio, importa camarões congelados da Índia e Bangladesh. Os funcionários disseram que o custo com importação dobrou em relação ao mesmo período do ano passado.

O gerente de uma cadeia de restaurantes, especializada em sushi, disse que não seria viável aumentar o preço de seus produtos a base de camarão. O motivo alegado pelo gerente é divido a sua popularidade, apreciado principalmente entre mulheres e crianças.

Apesar do principal fornecedor do Japão ter sua produção de camarão reduzida pela metade, o gerente, que pediu anonimato, acha que os preços não se manterão nesses níveis elevados por muito tempo.

As informações são da NHK News e da agência Kyodo.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe uma resposta