Meio ambiente e Energia

Fornecimento de energia nuclear do Japão será interrompido em setembro

A interrupção vai ocorrer porque os dois únicos reatores em operação no país passarão por verificações de segurança obrigatórias.

Do Mundo-Nipo

Usina nuclear de Oi (Foto: Kyodo)

Usina nuclear de Oi (Foto: Kyodo)

O fornecimento de energia nuclear do Japão deve ser interrompido novamente no dia 15 de setembro pela primeira vez em mais de um ano, informou o governo japonês nesta segunda-feira.

A interrupção vai ocorrer porque os dois únicos reatores em operação no país passarão por verificações de segurança obrigatórias.

Esta será a segunda vez que todos os reatores nucleares do Japão estarão desligados no país desde a eclosão da crise nuclear na usina Fukushima Daiichi em 2011.

Atualmente, os reatores  3 e 4 da usina Oi, operada pela Companhia de Energia Elétrica de Kansai, na província de Fukui, são os únicos em operação no Japão.

A Autoridade Regulamentadora Nuclear vai iniciar as verificações de segurança no reator 3 no dia 02 de setembro. Os testes no reator 4 acontecerão no dia 15 de setembro.

 

Veja mais notícias sobre Meio Ambiente em mundo-nipo.com/meio-ambienteSiga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.