Meio ambiente e Energia Natureza

Salmões retornam aos rios em Fukushima pela primeira vez desde 2011

Um grupo de pescadores conseguiram encontrar salmões no rio Kido.

Do Mundo-Nipo

Os salmões retornaram ao rio Kido, na província de Fukushima, nordeste do Japão pela primeira vez desde o desastre em 11 de março de 2011. O rio, que corta a cidade de Naraha, é um dos mais famosos do país pelos salmões que nadam contra a correnteza para subir o rio e realizar a desova no período de reprodução.

 

Salmões retornam aos rios em Fukushima (Imagem: Reprodução/NHK)

Um grupo de pescadores conseguiram encontrar salmões no rio Kido (Imagem: Reprodução/NHK)

 

Antes de 2011, cerca de 70.000 salmões eram pescados a cada estação, mas a pesca foi suspensa após o desastre na usina Fukushima Daiichi, o que deixou a região restrita devido a radiação.

Há dois anos, pescadores locais começaram a vasculhar o rio em busca de peixes para verificar por sinais de substâncias radioativas. Foram encontrados algumas poucas espécies, mas nenhum salmão, mesmo na época da desova.

Entretanto, na última terça-feira, um grupo formado por 10 pescadores estenderam as redes no rio, onde foram pescados um número significativo de salmões em ótimo estado e livres de radiação.

O chefe da cooperativa de pesca local, Hideo Matsumoto, declarou que estava extremamente feliz em ver os peixes dos quais cuidou antes de voltarem para casa. Ele disse esperar que a pesca contribua para a recuperação da economia local.

(Com informações da agência Kyodo e NHK News.jp)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.