Sociedade

Japão ocupa 2º lugar em lista de países que mais prendem brasileiros

Estima-se que há cerca de 2,5 milhões de brasileiros vivendo no exterior, destes, 3.209 estão presos.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

O número de brasileiros presos no exterior tem aumentado assustadoramente, subindo quase 30% em apenas dois anos, de acordo com dados atualizados do Ministério das Relações Exteriores (MRE).

Os mais recentes dados do Itamaraty revelaram que 3.209 pessoas nascidas no Brasil estavam detidas em algum lugar do mundo no fim de 2013. Em 2011, o número era de 2,5 mil.

Os Estados Unidos é o país com a maior concentração, representando 22% do total de detidos. Japão e Portugal aparecem em segundo e terceiro lugares, respectivamente.

A causa para detenção de brasileiros é diferente em cada país. Nos Estados Unidos, por exemplo, irregularidades em relação à imigração e delitos distintos, como violência doméstica, atentado ao pudor e homicídio têm mais peso, enquanto tráfico e porte de drogas não respondem pela maior parte das prisões, representando apenas 2%, contra 30% dos casos em geral.

Segundo o Itamaraty, o cenário no Japão é único. Muitos brasileiros chegam ao país para trabalhar como operários, mas são os filhos que acabam cometendo os crimes.

“A carga escolar é muito pesada no Japão, os pais estão em fábricas a maior parte do tempo e não conseguem dar a assistência necessária. Muitos estudantes brasileiros são vítimas de bullying e acabam deixando a escola, ficam ociosos e acaba indo para as ruas, formando gangues”, diz a diretora do Departamento Consular e de Brasileiros no Exterior do MRE, Luiza Lopes da Silva.

Já em Portugal, as drogas são as grandes responsáveis pela maior das detenções de brasileiros.

“São normalmente mulas do narcotráfico, arregimentadas no Brasil para levar drogas à Europa. Para elas, a prisão tem um componente dramático, porque estão longe da família e quaisquer conhecidos”, afirmou Luiza Lopes à BBC.

Em países na América do Sul é comum que os brasileiros respondam por crimes tanto neles quanto no Brasil. Por isso, muitas vezes recusam ajuda oficial por parte do Itamaraty.

A lista com as 10 nações abaixo representam, juntas, os locais onde estão 8 de cada 10 brasileiros presidiários:

Ranking dos países que mais prendem brasileiros (Imagem: Edição Mundo-Nipo)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •