Economia

Abe diz que Japão já saiu da deflação e eleva meta de PIB para US$ 5 trilhões

O primeiro-ministro do Japão disse ainda que vai elevar o imposto sobre vendas de 8% para 10% em abril de 2017.

Do Mundo-Nipo

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, declarou nesta quinta-feira (24) que o país se aproxima de erradicar as persistentes quedas de preço e que a economia não se encontra mais em deflação. “Sem uma economia forte, não teremos esperanças para o futuro”, disse Abe a repórteres em Tóquio.

O líder da terceira maior economia do mundo afirmou que o governo vai adotar três novos pilares do seu plano denominado “Abenomics”: impulsionar a economia, oferecer suporte às famílias com crianças e promover reformas do bem-esta social.

Ainda nesta quinta-feira, Abe, será reeleito oficialmente para o cargo de presidente do situacionista Partido Liberal Democrático (PLD). Espera-se que o premiê explique seus planos para administrar o partido e seu governo em uma coletiva de imprensa marcada para a noite desta quinta-feira.

Abe disse que também explicara ainda hoje os detalhes de seu plano que prioriza a economia, com o objetivo de elevar o Produto Interno Bruto (PIB) do país em quase um quarto, para 600 trilhões de ienes (5 trilhões de dólares).

“A meta é criar a maior economia na era pós-guerra para a ajudar a tornar a vida das pessoas o melhor possível. Farei do PIB de 600 trilhões de ienes nossa meta clara.”

Abe disse ainda que vai elevar o imposto sobre vendas de 8% para 10% em abril de 2017 como planejado, a não ser que haja grandes choques econômicos.

Fontes: Agência Reuters | NHK News.

Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários