Meio ambiente e Energia

Painel diz que Tepco não forneceu informações erradas aos investigadores intencionalmente

A informação errada fornecida pela Tepco acabou cancelando a inspeção de um reator em Fukushima Daiichi.

Do Mundo-Nipo

Usina Fukushima Daiichi (Foto: Aflo Images)

A informação errada fornecida pela Tepco acabou cancelando a inspeção de um reator em Fukushima Daiichi. (Foto: Aflo Images)

Um painel do governo japonês concluiu nesta quarta-feira que a Companhia de Energia Elétrica de Tóquio (Tepco) não forneceu informações falsas intencionalmente ao comitê de investigação para o acidente nuclear de 2011, embora a distorção de informações tenha levado a comissão a cancelar a inspeção na usina Fukushima Daiichi.

Em fevereiro do ano passado  um trabalhador da Tepco disse o quarto andar do edifício do reator 1 de Fukushima Daiichi estava em “completa escuridão”, o que não era verdade. A informação acabou cancelando a inspeção do reator.

“A explicação errada foi feita por causa de mal-entendidos”, disse nesta quarta-feira o painel composto por três advogados. Mas acrescentou que o caso pode receber severas críticas por ter “obstruído” a investigação da Dieta.

 

Veja mais notícias sobre Energia em mundo-nipo.com/meio-ambiente-e-energiaSiga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários