Costumes Educação

Veja como usar sufixos em nomes e formas de cumprimentos no Japão

Ojigi, forma de cumprimento no Japão (Foto: Montagem Mundo-Nipo)

É muito importante saber como referir-se a uma pessoa no Japão, onde o tratamento com sufixo e forma de cumprimento são levados à sério.

  • 1.6K
  •  
  •  
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
    1.6K
    Shares

É muito importante saber como referir-se a uma pessoa no Japão e o ideal é sempre procurar ter cuidado ao usar as formas de tratamento. esse cuidado é porque os japoneses levam muito a sério o tratamento com sufixo e formas de cumprimentos, considerando desagradável quando um estrangeiro não procura saber um pouco sobre a cultura japonesa antes de apresentar-se a alguém no país.

No Japão, a cada situação existe uma forma de tratamento, o que varia de acordo com a ocasião e, principalmente, a classe hierárquica de uma pessoa.

É aconselhável utilizar o sufixo San quando se tem dúvida sobre qual forma de tratamento usar para com a pessoa a quem está se referindo. Cumprimentos com beijo e aperto de mão não são usuais no Japão. O mais indicado é reverenciar praticando o Ojigi (ato de curvar-se em sinal de cumprimento).

Imagem: Montagem MN
Imagem: Montagem Mundo-Nipo
Formas de curvaturas ao praticar Ojigi

Eshaku
Forma de cumprimento: mais comum
Curvatura do corpo: ângulo de 15 graus

Keirei
Forma de cumprimento: formal – em sinal de respeito
Curvatura do corpo: ângulo de 30 graus

Saikeirei
Forma de cumprimento: grande sinal de respeito, equivalente a uma reverência
Curvatura do corpo: ângulo de 45 graus

Diferença ângulos de curvatura e posição das mãos por gênero

Não existe diferença na curvatura entre homens e mulheres, os graus são os mesmos. No entanto, a postura dos braços e das mãos tem colocação diferente para ambos.

Os homens cumprimentam com os braços completamente estendidos e juntos a lateral do corpo. Já as mulheres colocam os braços para frente, com as mãos juntas na frente do corpo.

Foto: Montagem MN
Foto: Montagem Mundo-Nipo
Usando os sufixos mais conhecidos

Bochan
Sufixo usado para crianças ricas. Geralmente usado por mordomo.

Chan
Sufixo para crianças ou modo carinhoso de se chamar meninas ou meninos, sendo mais frequente entre meninas. Amigas podem se tratar assim até depois de adultas. Também usado como tratamento carinhoso entre um casal.

Dono
Sufixo que pode ser considerado o mesmo que “San”. Porém, é mais usado por pessoas antigas. É mais formal que San e menos formal que Sama. Pode ser empregado a uma pessoa importante e influente, mas que não faça parte da realeza.

Douhai
Sufixo corresponde a um companheiro de trabalho ou estudante do mesmo nível ou que ingressou na escola ao mesmo tempo.

Han
Sufixo de tratamento semelhante a San. Um sufixo muito antigo e que caiu em desuso. Hoje em dia raramente usa-se Han, em seu lugar é empregado o “San”. Porém, localidades tradicionais, como em Kyoto, o sufixo “han” ainda é empregado.

Ichi ou Kazu
Ambos os sufixos significam primeiro filho. São acrescentados no final de nomes próprios masculinos modernos como, por exemplo: Jun-ichi, Ken-ichi, Ryuichi, Masakazu, Toshikazu, etc.

Ji e Zo
Sufixo que correspondem respectivamente o segundo e terceiro filho. São acrescentados no final de nomes próprios masculinos modernos como, por exemplo: Eiji e Senzo.

Ko
Sufixo que significa criança e é acrescentado a nomes próprios femininos modernos. Exemplos: Aiko, Haruko, Keiko, Masako, Mitsuko, Naoko, Reiko, Rumiko, Yoko, etc.

Kouhai
Sufixo usado para se referir a calouros ou iniciantes numa mesma atividade.

Kun
Sufixo para crianças, em geral do sexo masculino. Usado em sinal de respeito entre jovens. Esse sufixo também é usado para diferenciar pais e filhos que tenham nomes iguais ou não, mesmo que a pessoa seja adulta.

Mi
Esse sufixo que significa beleza e é comumente usado em nomes próprios femininos. Exemplo: em Harumi, Mayumi, Naomi, Hiomi, Yumi, Natsumi, etc.

Sama
Sufixo usado quando a situação é altamente formal, alguém muito importante ou quando se tem muito respeito pela pessoa. Também usado para membros do Governo, reis, rainhas e realeza em geral e até mesmo para Deuses.

Um grande exemplo é a palavra “Deus” (Kami, em japonês). A regra é acrescentar Sama no final:  “Kami-sama” é simplesmente “Deus”.

San
Esse é o sufixo japonês mais comum. Ele é comumente usado entre adultos e direcionados à pessoas pessoas mais velhas e/ou que não são íntimas. Esse sufixo, no entanto, também é usado entre os jovens em sinal de respeito.

De modo geral, o sufixo “san” é empregado em sinal de educação e pode ser direcionado tanto para homem ou mulher (equivale a senhor e senhora). “San” também pode ser usado no tratamento de pessoas da mesma hierarquia, tal como como no tratamento de pessoas da mesma faixa etária, do mesmo nível social e/ou profissional.

Senpai
Sufixo usado para alguém mais velho e experiente. Frequentemente estudantes mais novos utilizam em sinal de respeito aos veteranos.

Sensei
Sufixo usado para professores, mestres e instrutores em geral.

Shi
Sufixo acrescentado ao sobrenome para indicar respeito. É mais utilizado em publicações, utilizado pela imprensa.

Tachi
Sufixo que significa plural para coisas e pessoas. Mais utilizado para grupos de pessoas. Exemplo: Anata = você + Tachi = Anata tachi = vocês.

Por Maria Rosa (Artigo criado originalmente em 2006)
Fontes principais de pesquisa:
Livro: História da cultura japonesa | Autor: José Yamashiro
Livro: O Japão – Dicionário e Civilização | Autores: Frederic Louis David and Alvaro Iwang

Atualizado em 21/08/2020.

Restrição de uso
É permitida a reprodução desde que fornecido os devidos créditos ao Mundo-Nipo (MN), com link direcionando para mundo-nipo.com. Para reprodução com fins comerciais, leia a Restrição de uso.

  • 1.6K
  •  
  •  
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
    1.6K
    Shares