Vendas no varejo do Japão caem pelo 5º mês seguido

A queda no varejo japonês em julho é bem maior que a previsão de mercado, frustrando as perspectivas de melhora no consumo privado.
Vendas no varejo no Japao Foto Jiji min
Foto: Arquivo/Jiji

As vendas no varejo do Japão caíram ao ritmo mais rápido do que o esperado em julho, marcando o quinto mês consecutivo de retração, um sinal preocupante para o consumo privado, que responde por mais da metade da terceira maior economia do mundo.

Destacando a fraca demanda do consumidor, as vendas no varejo caíram 2,8% em julho na comparação com o mesmo mês do ano anterior, de acordo com o relatório do Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão (METI).

O resultado é pior que a estimativa mediana de economistas consultados pela agência Reuters, que previam retração de 1,7% para o sétimo mês do ano.

Além disso, a queda em julho é mais que o dobro do registrado no mês anterior, quando foi apurado retração de 1,2% ante junho de 2019.

Os dados fracos ressaltam a fragilidade da economia japonesa, uma vez que o PIB do país sofreu contração recorde de 27,8% no trimestre abril-junho, quando a pandemia do coronavírus afetou fortemente tanto a demanda interna como externa.

Mundo-Nipo (MN)
Fonte: Nikkei Asian Review.

Total
17
Shares
Previous Article
Industria japonesa na zona industrial em Shizuoka Asahi 02042018 900x600 min

Produção industrial do Japão mostra sinais de recuperação

Next Article
Maquinas automatas da Fabricante japonesa Yaskawa Foto Yaskawa compressed

Despesas de capital no Japão têm pior queda em 10 anos

Related Posts