Notícias

Japão financia construção de escola em Angola

O projeto beneficiará anualmente mais de 500 crianças do ensino fundamental, bem como 80 jovens e adultos em cursos de alfabetização.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Embaixada do Japão em Angola anunciou que o governo japonês doará cerca de US$ 90.904 à ONG angolana Associação para o Apoio ao Desenvolvimento Comunitário (AADC), em Luanda, para financiar a construção de uma escola primária com quatro salas de aulas na aldeia de Caluita, em Balombo, município situado em Benguela, província no oeste de Angola.

O financiamento foi anunciado ontem (2) a imprensa pelo embaixador do Japão em Angola, Kuniaki Ito, durante o fórum da Missão Empresarial do Japão à Angola que decorreu em Luanda. O dinheiro será entregue a AADC nesta quinta-feira (3) em uma cerimônia realizada em Luanda, detalhou a agência de notícias ‘Angola Press’.

O projeto beneficiará anualmente mais de 500 crianças do ensino fundamental, bem como 80 jovens e adultos em cursos de alfabetização. Segundo o embaixador japonês, a concretização do projeto contribuirá para o acesso a educação em zonas rurais, oferecendo condições favoráveis para o progresso e desenvolvimento das comunidades.

Organizado pela Câmara do Comércio do Japão na África do Sul e pela Organização Japonesa para o Comércio Externo (JETRO), o Fórum teve como objetivo abordar questões inerentes ao incremento e reforço da cooperação bilateral Angola-Japão, assim como identificar oportunidades de investimentos entre os dois países.

Ainda de acordo com a ‘Angola Press’, durante a visita da delegação de empresas japonesas, que decorre até o dia 5 deste mês, os empresários manterão encontros com os titulares das pastas dos Ministérios da Economia, Finanças, Energia e Água, Pescas, Indústria, Agricultura, Saúde, Planeamento e Desenvolvimento Territorial, bem como visitarão as centrais térmicas de produção de energia, instalações de indústria alimentar, as clínicas denominadas Girassol e a Luanda Medical Center.

O governo japonês apoia o programa de Assistência a Projetos Comunitários (APC) desde 1990 em Angola, com um valor de cerca de US$ 8 milhões, oferecendo assistência a projetos propostos por organizações não-governamentais, governos locais e outros organismos sem fins lucrativos, com o objetivo de auxiliar a implementação de planos de desenvolvimento e apoio social.

O Japão conta também com três indústrias têxteis em Angola, sediadas em Luanda, Benguela e Cuanza Norte, conforme noticiou o ‘Angola Press’.

Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •