Trump diz que apóia Japão em 100% após disparo norte-coreano de míssil

Foi o primeiro teste com míssil do regime norte-coreano desde a posse de Trump.
Abe e Trump na Casa Branca 11 02 2017 02 Foto Reproducao NHK
Abe e Trump na Casa Branca (Foto: Reprodução/NHK)

Logo depois do lançamento de um míssil feito pela Coreia do Norte ao Mar do Japão, na noite de sábado, o presidente recém eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, declarou que seu governo apóia plenamente o Japão.

“Eu quero que todo mundo entenda, e saiba plenamente, que os Estados Unidos da América apoiam o Japão, nosso grande aliado, 100%”, disse Trump a jornalistas durante uma declaração conjunta com o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, sem fazer nenhum outro comentário.

Contudo, na noite de sábado, Estados Unidos, Coreia do Sul e Japão condenaram o teste balístico conduzido pelo governo de Kim Jong-un na Coreia do Norte. O lançamento, realizado durante uma visita do premiê japonês Shinzo Abe a Washington, foi o primeiro teste com míssil do regime norte-coreano desde a posse do presidente americano Donald Trump.

Embora a Coreia do Norte tenha dito recentemente que poderia testar o seu Míssil Balístico Intercontinental a “qualquer momento”, os setores militares de Coreia do Sul e Estados Unidos informaram que o lançamento foi de um míssil de médio alcance – sem capacidade de atingir outro continente.

O míssil foi lançado por volta das 07h55 locais de domingo (20h55 de sábado em Brasília) a partir da base aérea de Banghyon, situada na zona oeste da Coreia do Norte. O projétil percorreu cerca de 500 quilômetros até cair no Mar do Japão, declarou o Estado-Maior Conjunto de Seul (JCS).

Fontes: Agências Reuters | NHK News Japan.

Total
0
Shares
Previous Article
Bale Foto Creative Commons 12022017

Japonesa e brasileiro vencem competição de balé em Viena

Next Article
Sopa de misso com udon Foto AJW Photos 900x600 Atualizacao 14 02 2016

Receita de udon com caldo de missô

Related Posts