Número de turistas no Japão despenca 99,9% em junho

A fortíssima queda reflete os números apurados no primeiro sementre, no qual o Japão recebeu apenas 3,95 milhões de visitantes.
Sinalização de voos no Aeroporto de Narita Foto Uygar Ozel iStock Free compressed
©Uygar Ozel/iStock Free

O Japão recebeu apenas 2.600 viajantes estrangeiros em junho, o que representa uma queda surreal de 99,9% em termos anualizados e marca o terceiro mês consecutivo de fortíssimo descenso de turistas no país em meio à pandemia do novo coronavírus, mostraram dados do governo na quarta-feira (15).

No primeiro semestre de 2020, o número total de turistas estrangeiros caiu 76,3% em relação ao mesmo período do anterior, para cerca de 3,95 milhões, de acordo com o relatório da Agência de Turismo do Japão.

Os dados mostram ainda que o total de visitantes em maio somou 1.700, marcando o número mais baixo desde 1964, quando o governo tornou disponíveis as estatísticas.

Aeroporto de Narita totalmente vazio Foto Kyodo compressed
Aeroporto de Narita totalmente vazio | Foto? Reprodução/Kyodo

Em abril, os números caíram para menos de 3.000, com um total de 2.917 viajantes entrando no país. A maior baixa anterior para visitantes estrangeiros mensais antes de abril foi de 17.543, registrada em fevereiro de 1964.

Descenso de visitantes asiáticos

O número caiu em junho pelo nono mês consecutivo desde outubro, quando houve uma queda significativa de visitantes da Coreia do Sul, uma vez que os laços bilaterais entre Tóquio e Seul deterioraram com a questão do trabalho forçado durante o domínio colonial do Japão na Península Coreana entre 1910 e 1945.

Já os visitantes da China somaram cerca de 300 em junho, ante 880.651 no ano anterior. Os da Coreia do Sul, Estados Unidos e Vietnã caíram para cerca de 100, enquanto havia apenas algumas dezenas de visitantes de outros países, segundo os dados da Agência.

O relatório mostra ainda que havia menos de dez pessoas de Hong Kong, Cingapura, México, Itália e Rússia que visitaram o Japão no mês passado.

Enquanto isso, o número de japoneses que saíram do país em junho recuou 99,3%, para cerca de 10.700, um montante muito menor que 1,52 milhão registrado no mesmo mês de 2019, mas aumentou de 5.539 no mês anterior.

O resultado é consequência, em grande parte, da proibição do Japão à entrada de 129 países e regiões para conter a propagação do vírus, com os viajantes estrangeiros que estiveram em qualquer uma das áreas no prazo de 14 dias após a chegada.

Mas o governo já iniciou discussões com o Vietnã, Tailândia, Austrália e Nova Zelândia para aliviar as restrições de viagens. Em comunicado imitido na sexta-feira passada, o governo afirmou que está procurando manter discussões com países que têm infecções por Covid-19 em declínio e alta demanda por viagens de negócios.

“Sonho” de receber 40 milhões de visitantes

O número de visitantes estrangeiros atingiu o recorde de 31,88 milhões em 2019. O governo pretendia atrair 40 milhões de turistas do exterior este ano, mas viu esse recorde reverter para fortes quedas em razão de vários conflitos com países vizinhos.

A situação agravou substancialmente com a chegada da pandemia do Covid-19, o que obrigou o país a adiar as Olimpíadas de Tóquio para 2021.

Mundo-Nipo (MN)
Fonte: Kyodo News.

cone de atualização 01 Atualizado em 17/07/2020.

Total
15
Shares
Previous Article
Pesquisa de imagens na Web Foto Montagem Mundo Nipo MN

Veja como resolver problemas com plágio de imagens na web

Next Article
Cacho de uvas Ruby Roman vendida por 65 mil reais no Japão Foto Kyodo 01 compressed

Cacho de uvas é vendido por R$ 65 mil em leilão no Japão

Related Posts