Notícias

Aprovação ao premiê Shinzo Abe despenca quase 10 pontos

Foto: Arquivo / Reprodução NDTV

A queda é devido ao envolvimento de Abe e da primeira-dama japonesa em um caso de nepotismo.

O índice de aprovação do primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, caiu fortemente este mês, despencando 9,4 pontos, para 39,3%, de acordo com uma pesquisa realizada pela agência de notícias ‘Jiji’ e divulgada esta semana.

Segundo a pesquisa, a queda é divido ao aumento das suspeitas a respeito do suposto acobertamento de um caso de nepotismo que atinge não só Abe como a primeira-dama, Akie Abe, na pior crise para o premiê desde sua posse em dezembro de 2012.

A aprovação de Abe é inferior aos 40,4% de sua taxa de rejeição, a primeira vez desde outubro que seu apoio fica abaixo do nível daqueles que não o apoiam.

Mais de 25% daqueles que rejeitaram Abe na sondagem da Jiji, realizada entre 9 e 12 de março, citaram a falta de confiança no premiê como motivo.

Saiba mais
» Japão admite falsificação de documentos envolvendo Shinzo Abe e esposa
» Ex-presidente da Moritomo nega fraude em escolas japonesas
» Presidente da Moritomo diz que recebeu dinheiro da primeira-dama do Japão

Abe e o ministro das Finanças, Taro Aso, de 77 anos, estão sob pressão desde que o Ministério das Finanças admitiu na segunda-feira que alterou registros relacionados à venda de um terreno estatal com um grande desconto a um administrador escolar ligado à esposa do premiê.

Contudo, Aso negou qualquer irregularidade, enquanto Abe prometeu renunciar ao cargo de primeiro-ministro se sua participação ou de sua esposa no caso forem provadas.

Do Mundo-Nipo
Fontes: Agência Reuters | Agência EFE.