Capa da nova versão do livro do premiê japonês Suga | Foto: Mainichi