Política

Premiê do Japão fala de defesa coletiva em sessão da Dieta

Abe disse nesta sexta-feira (24) que vai rever a proibição auto-imposta para o exercício do direito de legítima defesa coletiva…

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Shinzo Abe em sessão da Dieta (Foto: Kyodo)

Shinzo Abe em sessão da Dieta (Foto: Kyodo)

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, disse nesta sexta-feira (24) que vai rever a proibição auto-imposta para o exercício do direito de legítima defesa coletiva a fim de buscar maiores funções de segurança no exterior, enquanto alertou a China em seu discurso de política no primeiro dia de uma sessão da Dieta regular de 150 dias.

Com o Orçamento do Estado relacionado com o aumento de impostos de vendas em abril e as Olimpíadas de 2020, Abe colocou a economia à frente da reformulação mais controversa da política de segurança do Japão em seu quadro geral.

Mas sublinhou que o crescimento econômico vencer mais de uma década de deflação permanece no centro das suas políticas. Abe levantou a questão da legítima defesa coletiva pela primeira vez em seu discurso Dieta, em um sinal aparente de sua determinação para alcançar seu objetivo de longa data.

O primeiro-ministro se referiu ao princípio do pacifismo pró-ativo. Ele disse que o Japão vai trabalhar de mãos dadas com seu aliado, os Estados Unidos , para desempenhar um papel mais pró-ativo para a paz e a estabilidade global.

O premiê também sugeriu que ele vai trabalhar para melhorar os laços com a China e Coréia do Sul.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta