Sociedade

Província de Chiba tem primeiro preso sob nova lei anti-perseguição

O homem foi preso devido ao envio de e-mails ameaçadores a uma colega de trabalho.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Um homem foi preso na sexta-feira em Matsudo, província de Chiba, devido ao envio de e-mails ameaçadores a uma colega de trabalho.

Keiji Shirakawa, de 40 anos, tornou-se a primeira pessoa a ser presa sob a nova lei anti-assédio do Japão.

Shirakawa enviou 23 e-mails ameaçadores a uma colega de trabalho. A mulher teria pedido para o homem parar e acabou relatando o ocorrido à polícia, que prendeu o japonês sob a nova lei anti-perseguição em vigor desde julho.

No final do mês de junho, o Parlamento japonês aprovou a alteração na lei anti-perseguição de 2000 – que não incluía assédio via e-mail -, destinada a impedir que homens ou mulheres rejeitados enviassem mensagens repetidas aos ex-parceiros.

A nova lei veio em resposta a uma série de casos de perseguição de alto nível, incluindo um caso em novembro do ano passado, quando um homem perseguiu e assassinou sua ex-namorada em Zushi, província Kanagawa, após enviado mais de 1.000 e-mails para a mesma durante um período de duas semanas.

Contudo, a revisão da lei não abrange os serviços de redes sociais como Facebook e outras.

As informações são do Japan Today.

 

Para saber mais sobre Sociedade, clique em mundo-nipo.com/sociedade. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta